A maternidade é a melhor experiência de uma mulher

Sou mãe de primeira viagem, e como todas da espécie, sou apavorada, medrosa, preocupada demais.

Não sei se é porque levei muito susto quando o João Pedro nasceu, c/ problemas respiratórios, que desde então , observo tudo, sei tudo, enfim levo tudo muito a sério.Mas uma coisa eu garanto…

Nunca houve, nem haverá preocupação mais gostosa, desespero mais amado que de uma mãe. Tudo que passo, coisas boas e coisas ruins, eu amo , amo tudo!, amo as coisas dele , as roupinhas, a gaveta cheia de sapatos que ele tem,os brinquedos, a lata de leite lá na cozinha, o choro dele, amo as pessoas, amo as outra crianças, amo a Deus, amo minha mãe, amo tudo.

Nunca tive tanto medo, misturado com tanta alegria como sinto hoje quando olho para o meu filho hoje com 6 meses. Quando ele nasceu, que eu logo soube que ele não estava bem, senti os enjoos que não tive na gravidez, senti as dores do parto, que não as tive, e o mais estranho para mim, tive uma vontade tão grande de colocá- lo novamente na minha barriga e não deixar que ele saisse mais; pois para mim lá estaria seguro, e eu não deixaria nada acontecer com ele.

Nesse momento, é que me dei por conta do que é ser mãe. Agora posso dizer que a maternidade é a melhor experiência que uma mulher pode ter! É uma mistura de sentimentos e sensações que não se compara a nada. Que Deus proteja todas as mães!!!!!!!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]