Mãe, esposa e mulher

Mãe, esposa e mulher (consegue pensar em trilogia mais complexa?)!… A todas elas, a todas nós… uma Dia da Mãe bastante feliz, na essência de mulher!

O Dia da Mãe aproxima-se, mas… já pensou no que realmente significa ser mãe?

Ser mãe é das sensações mais fortes que alguma mulher pode sentir. Os receios e as ansiedades que muitas mulheres sentem aquando da confirmação da gravidez, rapidamente desaparecem com o passar das semanas de gestação. E tornam-se totalmente inexistentes quando o bebé nasce e percebemos finalmente a grandeza do amor de mãe.

O ser mãe é de facto uma das mais belas e importantes etapas da vida. Mas também é inegavelmente um dos maiores passos no percurso de qualquer mulher: não apenas pelas responsabilidades e mudanças acrescidas que o nascimento de um filho implica, mas também, e sobretudo, pelo acumular de funções (e emoções) que a maternidade exige.

Na própria gravidez, a mulher é confrontada com um conjunto de sensações totalmente diferentes e muitas vezes desagradáveis. O cansaço em excesso, as náuseas, os enjoos, as mudanças temperamentais… e as alterações incríveis por que o corpo passa. As formas elegantes e cuidadas dão lugar a uma barriga desmedida, a um peito muito maior do que aquele que se considerava ‘adequado’ e a um peso bastante superior àquele que habitualmente se procurava exibir de forma mais ou menos subtil.

A acrescer a todas estas alterações no corpo da mulher, não se pode esquecer a mudança no quotidiano de qualquer futura mamã. As saídas nocturnas tornam-se cada vez menos agradáveis (e mais cansativas), a liberdade e a independência desaparecem vertiginosamente à medida que a gravidez avança e as exigências aumentam de dia para dia.

A mulher sente que tem de estar preparada para aceitar as mudanças físicas que se impõem, que tem de estar pronta para o momento do parto, que tem de saber cuidar do seu bebé, que tem de conseguir gerir as opiniões diversas e controversas que surgem de todos os lados, e ainda que tem de continuar a estar disponível como antigamente para o seu parceiro. Exigências a mais para quem se encontra envolta num turbilhão de emoções e transformações radicais.

Ser mãe é de facto uma das sensações mais fortes que alguma mulher pode sentir. Não nos podemos esquecer no entanto que ser mãe é uma das várias facetas da nossa vida. Somos mães, esposas, profissionais, donas de casa. Mas somos acima de tudo mulheres.

A todas elas, a todas nós… uma Dia da Mãe bastante feliz, na essência de mulher!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]