Quando os filhos ficam com as mães depois do divórcio

Mães! as crianças precisam da vossa presença e do vosso amor por mais difícil que vos seja, nesta altura, depois do divórcio!

As mães depois do divórcio

Com grande tristeza observo a quantidade de divórcios que ocorre dentro do meu circulo de amizades e analiso as atitudes dos pais com os seus filhos e por vezes constato que os pais se afastam numa atitude de indiferença tipicamente masculina (acho que já é genético) e as mães descontrolam-se colocando as crianças demasiadas vezes na “avó” as responsabilidades e tarefas que lhes cabe a elas! sei que é uma altura difícil a nível emocional e psicológica, mas pensem bem.

Se é para vocês ainda mais é para a criança que não conhecia outra realidade que não a dos pais juntos. Por mais pequena que a criança seja, sente a falta do um dos pais ou dos dois.

Outro aspecto é o de arranjarem logo substituto/a… pais e mães pensem muito bem, antes de apresentarem o novo parceiro aos vossos filhos para que eles não sofram outra separação.

A fragilidade que existe nas crianças é total! pensem primeiro nos vossos filhos, não façam guerras matrimoniais utilizando as crianças, sejam adultos/as e enfrentem a nova realidade falando com o parceiro/a.

A criança que gerou é o homem ou mulher de amanhã, cabe-nos a nós, sobretudo às mães, formar da melhor maneira a personalidade das crianças. Escrevo para vos ajudar e não para vos criticar! mas tentem dar o vosso melhor… elas merecem!

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]