14 dicas de segurança para curtir o carnaval com crianças

O clima de Carnaval já tomou conta do país. Curtir o Carnaval com crianças em bloquinhos, bailes e festas temáticas são alguns dos eventos mais esperados nessa época do ano e é claro que não dá para deixá-las fora dessa.

Para quem pretende curtir as festas na rua ou na praia, é importante já levar água de casa. Cuidar da hidratação dos pequenos é algo imprescindível, principalmente nos dias de muito sol e calor,

Além de se divertir nos blocos o especialista em segurança,  Niv Steiman, alerta aos pais que pretendem levar os filhos para a folia. “É necessário ficar alerta ao ir e voltar da folia, principalmente nas ruas e transporte público.

Quando estiver no bloco, não descuide de seu celular e carteira, pois os criminosos aproveitam pequenos momentos de distração. Se estiver com crianças, muito cuidado com quem se aproxima de seus filhos”.

Carnaval com crianças

Para curtir os bloquinhos com mais segurança e evitar problemas, seguem algumas dicas de segurança para um carnaval com crianças:

  • Opte sempre que possível pelo transporte público, mesmo com crianças, pois estacionar na rua nessa época é correr riscos de ter o veículo furtado ou danificado, de ser assaltado ou até sofrer um sequestro relâmpago;
  • Prefira os blocos infantis. Eles são menos lotados e normalmente há uma corrente de pais para tornar o local ainda mais protegido;
  • Caso não tenha blocos infantis, procure ir mais cedo ao local, e permanece o tempo suficiente para o seu filho se divertir, não se estendendo até a noite;
  • Muitos clubes têm programações para crianças. Se possível, inclua em sua opção ir a um clube com baile de carnaval infantil, pois muitos possuem uma estrutura de segurança, com controle de acesso e vigilantes;
  • Já pensou em organizar um carnaval em seu condomínio? É uma maneira das crianças aproveitarem a folia de maneira mais segura
  • Normalmente, as crianças não sabem passar informações para ajudar a encontrar seus responsáveis. Por isso, o ideal é que elas tenham uma identificação, como pulseiras ou etiquetas pregadas na roupa com o nome, endereço e telefone dos pais.
  • Identifique as crianças com o nome, endereço e telefone, de maneira bem visível.
  • Se estiver num bloco na praia, mostre para as crianças referências fixas de onde a família está instalada, como uma placa, uma barraca ou um prédio diferenciado.
  • É recomendável que os pais orientem seus filhos para que eles nunca acompanhem estranhos.
  • Não é recomendável que crianças carreguem celulares ou câmeras digitais sozinhas para não atrair a ação de criminosos.
  • A criança deve ser orientada também a reconhecer e buscar ajuda com policiais, casos se sintam perdidas ou assustadas.
  • Se a criança se perder, a primeira coisa a ser feita pelo responsável é sempre procurar pela segurança local.
  • Nas praias, no caso da criança se perder, é importante buscar ajuda com o salva-vidas ou o corpo de bombeiros.
  • Na maioria dos casos, a prevenção é a melhor solução. Andar de mãos dadas com a criança durante os dias de folia é uma ótima opção. Evite também aglomerações. Desta forma, não é possível perdê-la de vista.

Niv Steiman (especialista em segurança)

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]