Como muda o corpo da mãe durante a gravidez
Como muda o corpo da mãe durante a gravidez

As alterações exteriores pelas quais a mulher passa ao longo da gravidez são, de facto, bastantes. Contudo, essas alterações não se verificam todas no início da gestação. Fique a saber como vai mudar o seu corpo ao longo de cada um dos trimestres da gravidez.

Mudanças no corpo da mãe durante a gravidez

O primeiro trimestre

A ausência do período menstrual é, normalmente, o primeiro sinal da existência de uma gravidez, se bem que algumas mulheres possam ter ligeiras perdas de sangue. Os demais sinais físicos da gravidez ainda não são evidentes. Contudo, os seios começam a aumentar de tamanho e a ficar mais sensíveis pois as glândulas mamárias desenvolvem-se desde cedo. As auréolas que rodeiam os mamilos começam, também, a aumentar de tamanho.

É usual que a grávida sofra alguns incómodos inerentes ao seu novo estado, tais como enjoos e vómitos, especialmente da parte da manhã. Muitas grávidas, em particular a partir do terceiro mês de gestação, sentem desejos por determinados alimentos. No final do primeiro trimestre de gravidez, pode começar a verificar-se um aumento do volume do abdómen.

Saiba também como foi o desenvolvimento do seu bebé no primeiro trimestre.

O segundo trimestre

Durante o segundo trimestre verifica-se um aumento do tamanho do abdómen. As auréolas que rodeiam os mamilos podem mudar de tom e os próprios mamilos aumentam de tamanho.

Na face, podem surgir manchas escuras, especialmente na testa, nariz e maças do rosto, a que se dá o nome de cloasma. O apetite aumenta e o aumento de peso é, a partir de agora, mais evidente. A cintura e a anca arredondam-se e a digestão torna-se mais demorada. Podem aparecer estrias no abdómen e nos seios no final deste trimestre.

Em regra, a grávida deixa de ter incómodos como vómitos e enjoos. Sente uma sensação de bem estar, acompanhado por vezes de um acréscimo de energia.

Saiba também como foi o desenvolvimento do seu bebé no segundo trimestre.

O terceiro trimestre

O peso da grávida aumenta bastante durante este trimestre. O organismo começa a reter líquidos, o que provoca inchaços nos pés e nos tornozelos e, em algumas mulheres, até noutras partes do corpo. A grávida pode voltar a ter micções frequentes. Surgem estrias nos seios, abdómen e coxas, caso ainda não tenham aparecido anteriormente. Os mamilos podem verter colostro.

Dado o aumento do tamanho do útero, este vai exercer uma pressão crescente sobre o diafragma, o que causa dificuldades respiratórias. A barriga está cada vez maior, pelo que é natural que a grávida tenha dificuldades na locomoção e em dormir. O cansaço, neste período da gravidez, é muito grande e a grávida sente-se cada vez mais pesada.

Saiba também como foi o desenvolvimento do seu bebé no terceiro trimestre.

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]

Escreva um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here