Comunicação pré-natal, inunde o seu bebé de som

389
Comunicação pré-natal, inunde o mundo do seu bebé de som
Comunicação pré-natal, inunde o mundo do seu bebé de som

O feto é sensível a essa comunicação e a sua memória já está a ser alimentada. Neste artigo veremos como podemos utilizar a VOZ para estabelecer a comunicação pré-natal. Para comunicarmos com o bebé em gestação.

O inconsciente por nascer inunda-se no som.” (Pierre Paul Lacas)

As três maneiras que fazem parte do método Bebé do Futuro são:

  • Falando
  • Contando histórias
  • Cantando

Falar com o bebé em gestação, exprimindo os seus sentimentos, os seus projetos e o que desejar. Uma conversa que pode parecer unilateral, mas que estará imprimindo na memória do bebé as características particulares da sua voz. O pai pode encontrar aqui um momento especial para participar da gestação. Quando o bebé nascer, ainda na obstetricia, não deixe de falar com ele.

Observe como a sua voz é reconfortante para ele.

Contar pequenas histórias é outra atividade muito interessante. Quando contamos uma história infantil (aquelas dos livros com muitas  figuras e poucas palavras, por exemplo) utilizamos uma entoação diferenciada na nossa voz. Falamos mais ou menos da mesma forma com que falaremos com o bebé quando ele estiver no nosso colo, aqui, ao ar livre.

Conte com regularidade a história durante a gestação. Quando o bebá estiver na preciosa actividade da amamentação, conte a mesma história e observe. Ele demonstra uma atenção muito especial. Mama com maior intensidade e fica mais tempo mamando. Reconhece a história mesmo não a tendo ouvido nas palavras, mas reconhece a seqüência sonora, as inflexões de voz que fazemos quando contamos uma história infantil, interpretando-a.

Mas é quando cantamos que imprimimos uma energia especial na vibração da voz. A amplitude da freqüência é maior. Deduz-se daí que o feto ouve especialmente a voz cantada. E é aqui que reside a principal actividade do método: cantar para o feto.

O feto ouve especialmente a voz cantada, reafirmo a necessidade da comunicação pré-natal.

Mas é você que escolhe as músicas. O repertório fica ao seu critério, Inclusive adaptar as letras como bem entender. Ou até cantar somente lá lá lá  ou nã nã nã, ou com a boca fechada hum hum hum.

A sua opinião
[Total: 1 Média: 3]

Escreva um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here