Uma Aventura no Fundo Mar, um musical ecológico

662
Uma Aventura no Fundo Mar
Uma Aventura no Fundo Mar

Estreou no dia 30 de Março, no Coliseu de Lisboa, a peça “Uma Aventura no Fundo do Mar” da companhia Mar Encantado e o ABCDOBEBE esteve lá.

Uma Aventura no Fundo do Mar

A não perder este musical ecológico, para crianças de todas as idades, cujos cenários desta “aventura” são totalmente feitos a partir de lixo reciclado.

São pintados com tintas fluorescentes o que, com a luz negra, produz um efeito absolutamente mágico, como nos referiu o autor do texto da peça e do livro com o mesmo título, cujo lançamento decorreu no final do musical.

Esta é uma das especialidades do Mar Encantado – a fabricação manual de cenários e adereços com materiais reciclados. Outra é a execução de workshops para crianças, com temáticas de sensibilização ambiental e reciclagem, ensinando as crianças a fazer artigos úteis a partir do lixo.

O ABCDOBEBE entrevistou, o autor do texto José Carlos Completo.

ABCDOBEBE (ABC)– Do que trata o livro?

JOSÉ CARLOS COMPLETO (JCC) – O livro é uma história de dois mergulhadores que foram fazer uma visita ao fundo do mar e que de repente são surpreendidos pelo rei dos oceanos, o rei Neptuno que estava irritadíssimo com os homens, com os terrestres por atirarem o lixo para o fundo do mar, de poluirem as águas e Neptuno resolve aprisionar os dois mergulhadores. Esta é a base da história.

Depois desenrola-se com as filhas de Neptuno que vão fazer um acordo de compromisso com os mergulhadores de eles poderem vir trazer uma mensagem para os homens da terra de que é necessário cuidar do mar e preservar.

ABC – Como surgiu a ideia de trabalhar este tema?

JCC – Bom, a mim foi-me apresentado já em cenário. Já existia o cenário, já faziam alguns workshops e algumas apresentações em escolas com histórias do fundo do mar. E eu quando vi o cenário, achei fascinante porque realmente o cenário é todo feito com lixo, trabalhado e pintado com cores fluorescentes e o facto de ter luz negra, portanto, dá um efeito realmente magnífico.

E, então, pediram-me para escrever uma história para este cenário e que realmente passasse essa mensagem de que é preciso preservar os oceanos.

ABC – Qual é a importância de editar este livro?

JCC – O livro é uma forma das crianças e os adultos levarem para casa a mensagem, porque vêm assistir ao espetáculo, gostam muito mas depois quando chegam a casa, daqui a um mês já não se lembram. E, portanto, se puderem levar com eles a mensagem escrita, puderem rever, tê-la na prateleira e de vez em quando abrirem, lerem e mostrarem aos amigos é uma forma da mensagem ir com eles para casa, esse é o objectivo.

ABC – E já editou mais livros?

JCC – Tenho feito alguns livros. A nível de história deste género, este é o primeiro mas será o primeiro de muitos, porque o difícil é começar. Tenho feito umas outras edições mias na área técnica, dos escuteiros, portanto de ensinar também os miúdos a fazer coisas, mas não propriamente com história. História este é o primeiro.

ABC – E o que prefere. Escrita para adultos ou escrita para crianças?

JCC – Essa é uma resposta difícil para eu dar. Acho que para as crianças temos de escrever com alguma magia, e, portanto, eu gosto de escrever com essa magia, passar a mensagem. Gosto de teatro infantil, também faço teatro, sou ator, e portanto, é uma forma de, realmente, dar uma certa cultura aos nossos habitantes do nosso país que têm realmente de começar desde pequeninos a gostar e ir ao teatro. Em relação aos adultos, também tenho algumas coisas escritas e penso escrever mais, mas tem de ser coisas mais práticas, porque estamos todos fartos de teorias.

ABC – E agora, uma mensagem para deixar às crianças?

JCC
– A principal mensagem é que digam aos pais, convençam os pais para virem ver este espetáculo, porque esta mensagem da “Aventura no fundo do mar” não é só para as crianças. É também para os adultos porque ter cuidado com a natureza, preservar o fundo dos oceanos, é uma tarefa já do Hoje e não só do amanhã.

Se bem que eu no livro escrevi que, o livro é dedicado a todas as crianças que no futuro irão ter um papel importante na preservação do planeta . Mas os adultos, tem que também ter um papel agora, já.

ABC – Muito obrigada e os maiores sucessos.

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]

Escreva um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here