A importância dos cuidados Pré-Natais

Os cuidados pré-natais são fundamentais para uma gravidez saudável e para um pleno desenvolvimento do bebé.

Deste modo, torna-se muito importante, mal a gravidez seja confirmada, consultar um médico. Esta rapidez deve ser maior se se sofrer de doenças crónicas como diabetes, epilepsia ou hipertensão.

Uma primeira consulta é, assim, fundamental…

Antes de tudo, há que voltar a confirmar a gravidez: a falta do ciclo menstrual pode, muitas vezes, ter como origem situações de grande stress ou até mesmo uma alimentação desequilibrada. Depois é, também, importante fornecer ao seu médico todas as informações necessárias para se poder elaborar um “cadastro” clínico o mais rigoroso possível.

Alguns exames físicos não são esquecidos: análises ao sangue e à urina, medição da tensão arterial, peso e altura, exame do abdómen, seios, coração, pulmões e exame pélvico interno. Este último indica-lhe o número de semanas de gravidez e a análise ao sangue é fundamental para determinar o tipo sanguíneo, alguma situação de anemia ou a imunidade contra a rubéola e hepatite B.

A partir desta primeira consulta, são feitas outras de rotina. De quanto em quanto tempo?

O normal é de 4 em 4 semanas, até à 28ª semana de gravidez, de 2 em 2 semanas até à 36ª semana e, por último, uma vez por semana até ao momento do parto. Alguns exames de controlo são feitos como análise ao sangue, medição da tensão arterial, observação externa do abdómen e controlo dos edemas (excesso de líquido nos tecidos).

As consultas de rotina são fundamentais para clarificar todas as dúvidas que lhe possam surgir. Além disso, dê a conhecer ao seu médico todo e qualquer problema que lhe surja. Se algum sinal a deixar mais preocupada (dores pélvicas, perda de  sangue, etc), não hesite em consultar o seu médico.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]