Aquele olhar do seu Filho

O olhar de uma criança é talvez uma das coisas mais belas. Entendê-lo, compreendê-lo, nem sempre é fácil. Basta olhá-lo com carinho, e conseguirá descobrir toda a doçura que emana dos seus pequenos olhinhos. Apaixone-se e cubra-o de carinhos e beijinhos.

Uma criança, ainda bebé, não é capaz de exprimir verbalmente a sua alegria e felicidade. Pode parecer que está triste, e estar apenas cansado, e também pode parecer que está incrivelmente feliz, só porque está com o seu ursinho predilecto. Estas são apenas aparências, pois ele não lhe consegue dizer nada através da sua boquinha.

De facto, muitas das vezes, as mães têm uma opinião diferente quanto ao verdadeiro estado psicológico do seu filho. A solução não é certamente falar com ele, pois isso seria de momento impossivel, mas sim tentar perceber pelo olhar como ele se está a sentir naquele preciso momento. Para isso, mergulhe no seu olhar e tente descobrir o sentimento dominante no seu interior.

Nestas alturas, e quando ele ainda não aprendeu a linguagem que permite a comunicação entre os seres humanos, o que resta é o olhar. Aprender a decifrá-lo requer muita atenção: há olhares que ferem, outros que angustiam e outros ainda, que são o expoente máximo da alegria e da felicidade.

Olhos nos olhos, você e o seu filho, podem produzir a transmissão e troca de sentimentos e, de estados de espíritos, que você nunca imaginou serem possíveis de realizar com uma criança tão pequenina.

O olhar revela as suas necessidades, os seus desejos e as suas tristezas. Fruto de um ambiente onde reina a harmonia, ou de um meio onde a confusão se instala a cada momento, o bebé sente todas essas coisas ainda que as não consiga transmitir aos adultos. O seu olhar é a sua única forma de expressão, a sua arma de comunicação mais preciosa. Aliás, a sua visão antes dos três meses já permite reconhecer a mãe, o que implica uma grande cumplicidade entre ele e a pessoa que lhe deu a vida. Por isso, é normal que seja à mãe que tenta transmitir o seu íntimo.

Apaixone-se pelo olhar do seu filho e embale-se nos seus sentimentos. Descobrirá coisas importantes para o compreender a cada instante e, de certeza, que será um prazer para si estar simplesmete a olhá-lo. Demorada e intensamente, só você e ele!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]