Como ensinar a importância do dinheiro ás crianças

9132
Como ensinar a importância do dinheiro ás crianças
Como ensinar a importância do dinheiro ás crianças

A importância do dinheiro, não é devidamente assimilado e interiorizado pelas crianças. Aliás, elas nem compreendem muito bem para que serve, além de perceberem que apenas lhes compra os doces e os brinquedos.

A importância do dinheiro

A única coisa que as crianças sabem é que o dinheiro é importante, mas perceber a sua verdadeira importância é algo ainda muito superficial. As crianças chegam mesmo a juntar muitas moedas, mas julgam que dez moedas já é muito dinheiro sem perceberem a escassa importância das mesmas. Por vezes, chegam a andar com dinheiro nos bolsos porque lhes dá prazer e a sensação, de que podem comprar o mundo.

Atualmente, com a intensa exposição de bens de consumo que preenche a nossa sociedade para onde quer que nos viremos, as crianças já se vão apercebendo um pouco melhor da necessidade e do poder de compra, pilar fundamental e inalterável de qualquer comunidade. Ao entrarem num hipermercado observam os pais a encher o carrinho e julgam que, é muita fácil comprar e possuir a quantidade de dinheiro necessária para poderem comprar o que bem lhes apetece.

Dinheiro como recompensa

Esta ilusão é compreensível por parte dos mais novos. Habitualmente, as crianças recebem dinheiro dos pais para brincarem ou então, os pais chegam mesmo a dizer-lhes que se elas se portarem bem dão-lhe uma moedinha. Portanto, as crianças julgam que o acesso ao dinheiro é fácil e que se calhar, todas as pessoas têm um cofre em casa onde o vão buscar.

O que muitas das vezes não sabem é que, existem outras crianças por esse mundo fora sem as mínimas condições e que, nunca lhes foi dada uma moeda na vida para brincarem.

O facto de os pais darem, segundo as suas possibilidades, todas as coisas que as crianças têm tendência a pedir insistentemente faz com que as mesmas não consigam interiorizar as dificuldades que existem em obter dinheiro. Assim, julgando os pais que estão a fazer bem ao realizar os seus desejos, acabam por as tornar caprichosas e demasiadamente mimadas.

O valor do dinheiro vs exigências

É fundamental fazê-las compreender a importância e o valor do dinheiro, e conseguir dizer-lhes Não quando é necessário. As crianças devem perceber que aquele brinquedo custa tanto como o jantar da noite passada ou então que, existem outros meninos que não o podem ter porque é demasiadamente caro. Por vezes, teimam em exigir brinquedos que já têm lá por casa ou, que são mesmo muito parecidos.

O dever dos pais é explicar-lhes que não há necessidade de comprarem um brinquedo tão semelhante, gastando dinheiro desnecessário.

Se as crianças continuarem a receber dinheiro com tamanha abundância, julgam que o mesmo se conquista sem o minimo esforço e que é só quererem algo o terão, bastando-lhes apenas pedir. Faça com que a relação dos seus filhos com o dinheiro, seja saudável, sem grandes exageros ou ligada a ideias de posse e abuso económico. Mas para que tal aconteça, é necessário primeiro que lhes explique esses conceitos e que os próprios pais, possam também eles dar o respectivo exemplo.

As crianças devem também elas aprender a ganhar dinheiro, para que possam sentir e perceber a dificuldade de o ganhar. Desta forma e, com a explicação correta, as crianças deixam de parte determinados caprichos e exigências que com o passar do tempo, perceberão serem demasiadamente fúteis. O valor do dinheiro terá assim, outro papel na vida dos mais novos.

A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]

Escreva um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here